RESIDÊNCIA MÉDICA

Programa de Residência Médica em Radiologia e Diagnóstico por Imagem
 
O objetivo primordial da residência médica em Radiologia e Diagnóstico por Imagem é desenvolver um programa de treinamento para médicos nos vários setores e coordenadorias do Departamento de Diagnóstico por Imagem (DDI), visando ministrar conhecimento e experiência, que irão permitir ao residente e especializando, ao completá-lo, conhecer e utilizar os diversos métodos de exame, avaliar o padrão normal e suas variantes, o patológico, redigir relatórios com opinião e diagnóstico diferencial, de acordo com as informações clínicas.


Os residentes estão subordinados diretamente à preceptoria, constituída por um professor supervisor, preceptor-chefe e preceptores de setor, e às regras da Comissão de Residência Médica (COREME) da Escola Paulista de Medicina da Universidade Federal de São Paulo (EPM/UNIFESP). Exige-se, também, do médico residente o respeito ao Código de Ética Médica.

O programa da residência têm a duração de 3 anos. O primeiro ano é orientado principalmente para Radiologia geral, princípios básicos física e proteção radiológica, anatomia patológica, técnicas radiográficas (raios-X simples, contrastado e radioscopia), indicação e contraindicação de exames contrastados, além de estágios em ultrassonografia (US), tomografia computadorizada (TC), densitometria e medicina nuclear.

O segundo ano é ponderado em radiologia geral e iniciação às subespecialidades com conhecimento das diferentes modalidades de equipamentos e técnicas (RX, US, TC e ressonância magnética – RM). O enfoque do terceiro ano é para o desenvolvimento do residente nas diversas modalidades de diagnóstico por imagem e nos setores, sendo aplicados conjuntamente para formulação do diagnóstico e seus diferenciais, o acompanhamento evolutivo e terapêutico, iniciando-se então a radiologia intervencionista.

A residência também é o preparo para o exame do título de especialista do Colégio Brasileiro de Radiologia (CBR).


Os três anos da residência são a melhor época para o futuro radiologista construir a sua formação em bases sólidas e fundamentos bem estruturados que orientarão o exercício profissional pelo resto de sua vida. Durante todo o período, os residentes terão a oportunidade de dar o máximo de si para se tornarem médicos respeitados pelos colegas e confiáveis para o paciente, pelo seu conhecimento científico, habilidade, prática e integridade. Em nenhum outro momento da carreira profissional, eles encontrarão condições tão favoráveis para seu amadurecimento e crescimento na especialidade.


A supervisão constante do residente é realizada por seu preceptor e supervisor e por profissionais qualificados, formando uma equipe responsável pelo suporte didático, acadêmico e pedagógico durante o ano letivo.

Avaliação do residente

O desempenho dos residentes é medido quanto à avaliação de conhecimento médico (provas teorico-práticas trimestrais), habilidades (provas práticas de workstation e ultrassom), atitudes (frequência às aulas e virtudes) e competências (realizada ao término de cada rodízio).

No final de cada ano, os residentes também avaliam subjetivamente os seus pares.

O desempenho do residente é responsável pela promoção, exclusão e conclusão da residência médica. Os melhores desempenhos são premiados com uma bolsa para estagiar na University of Pennsilvania durante o terceiro ano e o melhor desempenho recebe o Prêmio Prof. Dr. Clemente Filho no final do R3.

Estágio da UPENN

Bolsa oferecida pela Fundação Instituto de Pesquisa e Estudo de Diagnóstico por Imagem - FIDI para os três residentes melhor avaliados no final do R2 para estagiar, durante um mês do R3, na University of Pennsilvania. A seleção é realizada pelo desempenho dos residentes nos dois primeiros anos medido pelas avaliações do programa em conjunto com a que recebem de seus pares.

Prêmio Prof. Dr. Clemente Filho

O DDI criou esta honraria para premiar o residente que apresentou o melhor desempenho medido pelas avaliações do programa, associada à que os demais residentes fazem de seus pares, durante os três anos. Além do certificado de honra ao mérito, o residente ganha uma viagem para Chicago para participar do RSNA, financiada pela FIDI.